CÂMARA DE LOBOS - DICIONÁRIO COROGRÁFICO

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z  
 
Entrada > Dicionário > Q > Quinta da Graça
 

 

 

Quinta da Graça

 

Situa-se na rua Professor José Joaquim da Costa na freguesia do Estreito de Câmara de Lobos e é desde 14 de Junho de 2006 monumento de interesse público. Sem denominação antes conhecida, o epíteto de Quinta da Graça foi especificamente criado a quando do processo conducente à sua classificação.

A Portaria 79/2006 publicada a 4 de Julho de 2006 no Jornal Oficial classificando-a de "Monumento de Interesse Público" apresenta a seguinte redacção:

 

"A propriedade denominada Quinta da Graça é uma importante unidade patrimonial constituída por uma residência senhorial, de inícios do século XIX, uma antiga mercearia, um moinho, um lagar e uma área agrícola envolvente. A tipologia da construção erudita e das estruturas anexas, de carácter tradicional, mantêm materiais e gramáticas decorativas de características regionais e no espaço de lavoura interessantes canais de irrigação talhados em cantaria e caminhos em pedra escacilhada, revelando uma extensão e qualidade ímpar. A presença excepcional desta Quinta no panorama paisagístico insular, sublimada pelos seus vários corpos de grande impacto, e o estado de preservação em que se encontra representa um notável testemunho da arquitectura civil e uma parcela significativa do nosso Património Cultural Edificado que urge manter e valorizar como identidade arquitectónica e como vivência histórica do concelho.

Assim, observado que foi o procedimento para o efeito previsto nos artigos 25° a 27° da Lei n° 107/2001, de 8 de Setembro, nos termos do n° 2 do artigo 28° conjugado com o n.° 1 do artigo 94° do mesmo diploma, ao abrigo da alínea d) do artigo 69° do Estatuto Político-Administrativo da Região Autónoma da Madeira, aprovado pela Lei n° 13/91, de 5 de Junho, alterado pelas Leis n°s 130/99, de 21 de Agosto e 12/2000, de 21 de Junho, manda o Governo Regional da Madeira, pelo Secretário Regional do Turismo e Cultura, o seguinte:

1.° - Pelo seu relevante valor arquitectónico e histórico, é classificado como monumento de interesse público a denominada Quinta da Graça, descrito na Conservatória do Registo Predial de Câmara de Lobos sob o n° 177, fls 57 V do Livro B - 2° da extinta Conservatória do Concelho de Câmara de Lobos, sendo que a área do identificado imóvel que é objecto da presente classificação coincide com a que vai devidamente assinalada no mapa anexo.

2.° - É fixada uma zona especial de protecção do imóvel classificado, cujos limites coincidem com a área assinalada no mapa anexo.

3.° - A presente portaria entra em vigor no dia seguinte ao da sua publicação.

Funchal, 13 de Junho de 2006.

O Secretário Regional do Turismo e Cultura, João Carlos Nunes Abreu

 

Pertence actualmente (2006) esta propriedade a Luísa e Fernanda Pinto Correia, descendentes de uma importante família camara-lobense, onde se destacam de entre outros o capitão Francisco Nunes Pereira de Barros.

Câmara de Lobos

Dicionário Corográfico
Edição electrónica

Manuel Pedro Freitas

Câmara de Lobos, sua gente, história e cultura